sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Motorola processa Microsoft acusando-a de violar 16 patentes

A batalha entre a Microsoft e a Motorola parece não ter mais fim. Agora, a Motorola está processando a Microsoft alegando violação de 16 patentes pelos softwares da Microsoft para PC e Server, software do Windows Mobile e produtos Xbox.
De acordo com comunicado publicado no site TechCrunch, as patentes da Motorola envolvem softwares de PC e servidor relacionadas ao Windows, codificação de vídeo digital, tecnologia de email (incluindo Exchange, Messenger e Outlook) e o mensageiro instantâneo Windows Live. Além disso, a Motorola afirma que a Microsoft está infringindo patentes relacionadas ao Windows MarketPlace e Bing Maps. Quando se trata do Xbox, a empresa afirma que a Microsoft viola patentes voltadas à codificação de vídeo digital, tecnologia Wi-Fi e senhas gráficas.
Há algum tempo a Motorola abriu uma ação judicial contra a Microsoft sobre uso de tecnologia da empresa no sistema do console Xbox. No início do mês foi a vez da Microsoft processar a Motorola por violação de 9 patentes comerciais envolvendo smartphones com o sistema operacional Android.
A Motorola pediu que a Microsoft deixe de usar tecnologias patenteadas pela empresa e que compense por infrações passadas.
No comunicado, o vice-presidente corporativo de propriedade intelectual da Motorola Mobility Kirk Dailey afirmou que é lamentável que a Microsoft tenha escolhido o caminho do litígio ao invés de entrar em negociações globais de licenciamento como faz a maior parte das empresas de tecnologia do setor.

Fonte: Olhar Digital