segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Realidade aumentada, um mercado em crescimento

Realidade aumentada é um assunto que nós já falamos algumas vezes por aqui e até ensinamos você a fazer a sua própria. As previsões para este mercado são das melhores. Só para ter uma ideia, enquanto que em 2008 o faturamento mundial foi de US$ 6 milhões, a previsão para 2015 é de que esse número chegue a US$ 350 milhões em todo o globo.

Em geral, aqui no Brasil, este tema ainda é pouco explorado. Mas nos próximos anos, dois mega eventos prometem mudar esse cenário promissor: a Copa do Mundo em terras brasileiras e os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

“Imagine um turista, que não fale português, chegando num estádio, chegando num ponto turístico. Ele passa o celular e ele consegue observar informações de onde comer onde se hospedar, como ele faz para pegar um táxi, curiosidades, informações de jogos, e mais todas as informações de marketing e publicidade que podem acontecer com esse tipo de interação”, Carlos Sena, representante de pesquisa e desenvolvimento da Telefônica.

As possibilidades de interatividade são inúmeras. Uma das mais legais é essa do metrô de Nova Iorque. Um aplicativo para iPhone mostra as ruas em torno de cada estação, e qual delas está mais perto da sua localização naquele momento. Bom para os mais perdidos, não é?! Tem também a brincadeira do “JÓQUEMPÔ”. Você disputa uma partidinha contra a sua própria camiseta. Mas vai ficar feio se você perder, hein. Este prédio no Japão faz a diversão dos pedestres. É possível interagir com a fachada e ver as promoções das lojas, quem está tuitando de dentro do edifício... Experiências com games também estão despotando no mercado. Uma delas é a aventura deste ursinho, que se torna uma realidade aumentada manipulada pelo controle do console. A criançada vai adorar! Mas outro grande aliado para o crescimento da tecnologia são os smartphones. A partir deles, já é possível desenvolver uma nova técnica chamada de Realidade Aumentada Espacial.

“Usando sistemas de celulares novos, que são dotados de bússola, de GPS, de acelerômetro, mais a câmera de vídeo, como é que você pode usar todos esses recursos de dar uma experiência única de sobrepor objetos virtuais naquela imagem que você está vendo. Como se o teu celular fosse um óculos mágico, que está te permitindo visualizar algo que não está ali ”, Carlos Sena, representante de pesquisa e desenvolvimento da Telefônica.

Já imaginou a sua casa assim? E a banca de revistas desse jeito? Parece bastante caótico, não? Pois esta é a maneira como alguns estudiosos enxergam o mundo daqui alguns anos. Para estas pessoas, a realidade aumentada tem um potencial imenso a ser explorado. O problema, em breve, será exatamente o excesso dela em nosso dia-a-dia.

Gostou do que vem por aí? Ou ficou com medo do futuro? No início da matéria há links que te ajudam a ver o que já existe na web. Brinque à vontade e veja também como criar a sua própria realidade aumentada. Boa diversão!



Links

Realidade aumentada no mundo da mágica
Crie sua própria realidade aumentada
Fonte:www.olhardigital.com.br