quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Lula adia para março decisão de Plano Nacional de Banda Larga


Uma definição para o Plano Nacional de Banda Larga parece ainda difícil. Depois de duas horas reunidos com ministros e técnicos do governo federal, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu mais estudos para elaboração do Plano. Na reunião realizada na tarde do dia 10 de fevereiro, em Brasília, Lula voltou a ouvir vários cenários para implantação do PNBL no País. Os trabalhos foram coordenados pelo assessor especial da Presidência da República, Cezar Alvarez; e a secretária da Casa Civil, Erenice Guerra.
Os estudos ainda não são conclusivos e Lula pediu ao grupo de trabalho que levantasse mais dados para definição do programa que tem a missão de massificar a banda larga no Brasil. E deu prazo até março para a apresentação de novas propostas.
Participaram do encontro de hoje 11 ministros e mais representantes da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e da Advocacia Geral da União.
 Fonte:www.olhardigital.com.br